França sofre, mas derrota a Nigéria e vai às quartas de final

Nas quartas de final, os "Le Bleus" enfrentarão o vencedor de Alemanha ou Argélia, na sexta-feira, no Maracanã, Rio de Janeiro

iG Minas Gerais | FOLHAPRESS |

undefined

SÃO PAULO, SP - A França venceu a Nigéria por 2 a 0 nesta segunda-feira (30), no Mané Garrincha, em Brasília, pelas oitavas de final, e está classificada para a próxima fase da Copa do Mundo. Nas quartas de final, a França enfrentará o vencedor de Alemanha ou Argélia, na sexta-feira (4), no Maracanã, Rio de Janeiro.

Com a vitória, a França continua invicta na competição. Até aqui, os franceses venceram três partidas e empataram uma, ainda na fase de grupos.

Ambas as equipes mostraram muita disposição e velocidade durante o jogo. Apesar de muita movimentação, as seleções sofreram com a forte marcação adversária.

A França levou o primeiro susto aos 19 min da primeira etapa. Musa cruzou para Emenike, que escorou de primeira e fez o gol, mas a jogada bastante difícil foi anulada pela auxiliar, que marcou impedimento.

A resposta veio três minutos depois. Após rápido contra-ataque francês, Pogba, aos 22 min, recebeu cruzamento e chutou forte dentro da área, de primeira. O goleiro Enyeama fez ótima defesa.

No segundo tempo, Benzema perdeu uma oportunidade incrível. Aos 24 min, o atacante francês ganhou jogada no meio, tabelou com Griezmann e fica cara a cara com o gol. O atacante chuta, mas a bola bate em Enyeama e Moses salva a Nigéria em cima da linha

Já aos 34 min, quando parecia que a partida iria para a prorrogação, Pogba aproveitou falha do goleiro Enyeama em cobrança de escanteio e abriu o placar da partida.

Nos acréscimos, aos 46 min, Yobo, contra, fez o segundo gol francês após o cruzamento, que definiu a partida.

FRANÇA Lloris; Debuchy, Varane, Koscielny e Evra; Matuidi, Pogba, Cabaye e Valbuena (Sissoko); Giroud (Griezmann) e Benzema. T.: Didier Deschamps NIGÉRIA Enyeama; Ambrose, Oshaniwa, Yobo e Omeruo; Mikel, Onazi (Gabriel), Musa, Moses (Nwofor) e Odemwingie; Emenike. T.: Stephen Keshi Estádio: Mané Garrincha, em Brasília Árbitro: Mark Geiger (EUA) Gols: Pogba, aos 34 min, e Yobo, contra, aos 46 min do 2º tempo Cartão amarelo: Matuidi (F)