Manifestantes atearam fogo a ônibus no Rio

Protesto durou mais de uma hora e provocou congestionamento de 10 quilômetros; veículos retornavam do final de semana das praias da região dos Lagos

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Dezenas de manifestantes fizeram nesta segunda (30)  pela manhã um protesto contra a morte de duas pessoas, na RJ-104 durante operação de dois batalhões da Polícia Militar (PM) para recuperar um carro roubado na comunidade Novo México, bairro Santa Bárbara, em Niterói, região metropolitana do Rio. O protesto durou mais de uma hora e provocou congestionamento de 10 quilômetros. Os veículos retornavam do final de semana das praias da região dos Lagos.

Os dois suspeitos estavam em uma moto e tentaram fugir do cerco policial quando foram perseguidos e atingidos durante a troca de tiros com os militares. Devido à morte dos dois homens, manifestantes atearam fogo a três ônibus na RJ-104 (Niterói-Manilha) e interditaram a via.

A Polícia Militar informou em nota, que durante a ação os policiais suspeitaram dos dois ocupantes da moto, que ainda não tiveram o nome divulgado. Eles foram levados para o Hospital Estadual Alberto Torres, em São Gonçalo, mas não resistiram aos ferimentos.

De acordo com a PM, com os suspeitos foram apreendidas uma escopeta calibre 12 e uma pistola automática, além de material entorpecente não contabilizado. A moto utilizada pelos suspeitos e um Fox foram recuperados durante a ação. Apesar dos ônibus incendiados, não houve prisões durante o protesto.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave