Motorista morre após batida entre três veículos no Alto Paranaíba

Homem de 33 anos estava com a mulher e a enteada no carro e não resistiu aos ferimentos; carro bateu em uma caminhonete e em uma carreta na MGC 452

iG Minas Gerais | BERNARDO ALMEIDA |

O motorista de um Vectra morreu após bater o veículo em uma caminhonete, na noite desse domingo (29), na rodovia MGC 452, próximo ao município de Pedrinópolis, na região do Alto Paranaíba.

Segundo a Polícia Militar, o Vectra seguia de Perdizes para Santa Juliana quando, na altura do KM 249, colidiu de frente com uma caminhonete, que estava na direção contrária e atravessava a rodovia. Uma carreta, que vinha logo atrás da caminhonete, não conseguiu desviar e também foi atingida pelo Vectra.

Márcio Alexandre Botorin, 33, morreu após ser levado para a Santa Casa de Santa Juliana. A esposa dele, de 37 anos, e sua enteada, de 12, também sofreram ferimentos e foram conduzidas para o hospital. A criança foi transferida para Uberlândia devido à gravidade dos ferimentos, após sofrer trauma crânio encefálico e ter que ser submetida a cirurgia.

De acordo com depoimento da esposa do motorista, a caminhonete fez uma conversão súbita à esquerda, logo após ultrapassar o caminhão, o que causou o acidente. O motorista do caminhão endossa essa versão, dizendo ainda que a caminhonete atravessou a pista sem dar seta e sem aguardar no acostamento.

O motorista da caminhonete, de 51 anos, alegou que o motivo da colisão é a velocidade alta em que o Vectra se encontrava, o que impossibilitou a conclusão da travessia.

A perícia já esteve no local para analisar as circunstâncias do acidente.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave