Taxista é sequestrada em BH e abandonada por bandidos em Itabira

Vítima disse à polícia que foi ameaçada de morte e colocada dentro do porta-malas; ninguém foi preso

iG Minas Gerais | CAROLINA CAETANO |

A Polícia Militar está à procura de dois homens que sequestraram uma taxista de 40 anos em Belo Horizonte, nesse domingo (29). A mulher foi abandonada em Itabira, na região Central do Estado, a 180 quilômetros da capital mineira.

De acordo com o boletim de ocorrência da Polícia Militar, a vítima contou que foi abordada na avenida Afonso Pena, próximo à praça Sete, por dois homens que pediram que ela fizesse uma corrida para um shopping da região Nordeste de BH.

Porém, próximo ao centro de compras, os bandidos anunciaram o assalto e ordenaram que ela parasse o veículo. A mulher teve os braços amarrados com a própria blusa. Em seguida, um dos criminosos assumiu a direção do veículo e eles seguiram pela Via 240, no sentido Santa Luzia.

Durante o trajeto, a mulher disse que a dupla a ameaçou de morte caso ela gritasse. A taxista também contou que os suspeitos usavam drogas e falavam sobre o transporte de pistolas, fuzis e revólveres. Já na altura do bairro Ouro Minas, na mesma região, os sequestradores comentaram que deveriam tomar cuidado pois naquela área morava um policial e eles já tinha atirado contra o filho do militar.

Novamente, o veículo foi parado e a mulher foi colocada no porta-malas. Os assaltantes ainda teriam passado em dois postos de combustíveis. A taxista foi abandonada na rua Três do bairro Chacrinha, em Itabira e acionou a polícia. Ela apresentava leves escoriações e foi medicada em um hospital da cidade.

Militares fizeram rastreamento na região, mas nenhum suspeito foi identificado ou localizado. Durante o registro da ocorrência, um morador da cidade disse aos militares que já tinha visto a mulher outras vezes no município. Ela desmentiu a informação e afirmou que nunca esteve na cidade.

A ocorrência foi encerrada na Delegacia de Plantão de Itabira. 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave