Especialista entende demora, mas ataca lentidão

iG Minas Gerais |

O Caminhos de Minas, na avaliação do especialista em administração pública Amir Kahir, poderia dar bons resultados e fazer ligações importantes entre municípios mineiros. No entanto, mesmo com a demora na realização dos projetos de engenharia, Kahir acredita que, em quatro anos, mais estradas já deveriam ter sido entregues.

“O que leva mais tempo nesses casos, realmente, é o projeto. Agora, uma vez terminado, o início da obra é rápido”, disse. “Não há justificativa ou razões para um atraso desse tipo. O processo entre o projeto e a licitação pode ser demorado, mas nunca mais do que cinco ou seis meses”, considera. Para ele, se o programa fosse dividido em fases de 2.000 km por ano, várias vias já poderiam estar concluídas hoje. (BF)

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave