Bicicleta gigante acompanha torcedor nas últimas sete Copas do Mundo

Com altura de aproximadamente 3,5m, companheira de Elson Aguiar chama atenção por onde passa

iG Minas Gerais | DANIEL OTTONI |

Em Copa do Mundo, maluco é o que não falta. Entre tantos de dentro e fora do Brasil, estava Elias de Souza Aguiar. O que lhe dava o ‘status’ de diferente era a companhia de uma bicicleta de cerca de 3,5m de altura. Nas últimas sete Copas do Mundo, foi assim Ele e ela, lado a lado, chamando atenção de todos. Do alto, ao pedalar, Elias aproveitava para gritar no megafone e assoprar o apito. O filho ia atrás, na ‘garupa’, sorrindo e acenando para os tantos que os olhavam. A diferença fica pra 'introdução' do filho na bicicleta. Só depois de Elson subir a escada e começar a pedalar, é que chega a hora de subir à bordo.  Com tantas nacionalidades bem à sua frente, Elias misturava os pedidos de ‘excuse me’ e ‘permisso’ para não machucar ninguém. Ao chegar ao solo, era inevitável que muitos se aproximassem para tirar uma foto. “Desde 1986, vou a todas as Copas. São mais de 150.000km rodadas e 50 países conhecidos”, vangloria-se, com a camisa do México. Quando perguntada qual era sua profissão, ele disse com todas as letras: ciclista acrobata. Apesar de brasileiro, Elias tem o time verde em seu coração, uma vez que é casado com uma mexicana. Os dois moram na Cidade do México e já estão de malas prontas para voltar, em definitivo, ao Brasil. A parte triste é que Elias vai voltar para casa vendo seu time ser eliminado pela sexta vez seguida em uma Copa do Mundo, após derrota para a Holanda, por 2 a 1, com gol de virada nos acréscimos.