Com que bota eu vou?

Listamos os principais modelos para esquentar seus pés e embelezar o seu inverno

iG Minas Gerais | Lorena K. Martins |

1. Biker
Instagram/Reprodução
1. Biker

Bota por si só já virou item obrigatório de inverno. De temporadas em temporadas, algum modelo volta com tudo, como o caso da cuissard, aquela longuíssima que vai até a altura da coxa e que substitui muito bem a usual meia-calça. Mesmo sendo febre nas passarelas internacionais de inverno da Chanel, Emilio Pucci e da Balmain, por exemplo, esse modelo é “perigoso” e requer ainda muito cuidado na hora de usar. 

Outros modelos voltam com seus modismos, como é o caso do coturno, que antes era praticamente limitado aos soldados e hoje ganha suas releituras fashion.

O mais bacana desse acessório é que ele tem 1.001 versões. Vale, mesmo no frio, investir naquelas baixinhas com pouco salto e design simples, ou nas mais pesadas com pegada de motoqueiro, que ganhou companhia de fivelas, cores e aplicações para todos os gostos.

As ankle boots à la Isabel Marant e seus saltos altos estão de folga neste inverno, mas, se fomos levar em consideração suas aparições nos pés famosos por aí, não perdem o seu reinado se bem-combinadas.

Se você ficar em cima do muro, tudo bem. Vale investir no meio-termo com as botas de cano médio, sucesso em 2011, e que voltaram com tudo para os próximos looks invernais e valorizando a silhueta. Para não restar dúvidas, listamos nosso dossiê dos principais modelos e a forma de usar corretamente com uma mãozinha do stylist Rodrigo Polack, afinal, se for pra encarar o frio, que encare da maneira certa!

 

1. Biker   Inspiradas nas botas dos motoqueiros, esse modelo tem cano médio, fivelas e/ou tachas. Por ser meio-termo, parece ser mais fácil de acertar, mas não é, porque ela já vem carregada dessa pegada rock n' roll.   DICA DO STYLIST Quem pode usar? Quem tem espírito jovem Quem deve evitar? Quem tem pernas muito grossas. Melhor maneira de usar? Com shorts e saias. Evite usar tachas e fivelas em outras peças, além da bota. 2. Chelsea Inspirada nas botas dos Beatles nos anos 60, esse modelo com elástico lateral é um verdadeiro curinga para o seu armário.   DICA DO STYLIST Quem pode usar? Quem tem canela fina. Quem deve evitar? Quem tem canela grossa. Melhor maneira de usar? Como é a cara do inverno, abuse das meias! E evite looks sofisticados.

3. Western

Inspiradas nas botas de caubói, a grande tendência para esse inverno são os modelos aplicados com franjas, outro hit da estação.   DICA DO STYLIST Quem pode usar? Quem tem o estilo boho e romântico. Quem deve evitar? Quem não tiver humor. Melhor maneira de usar? Em look supercasual e descontraído. Evite usá-la com xadrez e franjas no look. “Deixa a mulher com ar caipira e brejeiro”.

4. Cuissard ou “over the knee”

Esse modelo, definitivamente, é o hit do inverno! Ela vai acima do joelho, e em alguns casos o comprimento pode ir até as coxas. Fashion, mas perigosa. Por isso tome cuidado!   DICA DO STYLIST   Quem pode usar? Quem tem pernas longas.  Quem deve evitar? Quem tem coxas muito grossas. Melhor maneira de usar? Com saia-lápis ou micro vestido. Evite usá-la com calças 5. Coturno Com pegada militar, esse modelo teve sua reviravolta fashion pelos punks, lá nos anos 70, e hoje tem cores, estampas e acabamentos diversificados.   DICA DO STYLIST   Quem pode usar? Quem tem espírito jovem Quem deve evitar? Quem tem pernas muito grossas, pois realçam a panturrilha.  Melhor maneira de usar? Com vestidos soltinhos. Evite aqueles coturnos sujos e velhos que deixam com cara de desleixo. 6. Montaria Como o próprio nome já diz, essas botas são inspiradas nas amazonas. Com o cano longo e bico arredondado, esse modelo é clássico em todo inverno.  DICA DO STYLIST Quem pode usar? Magras e altas Quem deve evitar? Gordinhas e baixas Melhor maneira de usar? Com legging ou calça bem justa, da mesma cor da bota. Evite o jeans.  

 

Ankles Boots   Curtinhas, na altura do tornozelo, e com saltos bem altos, esse modelo tornou-se curinga no armário de 9 a cada 10 mulheres. “Uma das mais democráticas por ter opções com salto, sem salto, com decote, sem decote”, explica Rodrigo Polack.    DICA DO STYLIST Quem pode usar? Quem tem canela fina. Quem deve evitar? Quem tem canela grossa. Melhor maneira de usar? Vai do look dia aos looks jantar e balada. As baixinhas devem evitar a ankle sem decote na frente para não diminuir a silhueta. Elas tb devem preferir comprimentos mais curtos de vestidos, shorts e saias. 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave