Jornais internacionais destacam drama vivido pela seleção

Adjetivos que enfatizam toda a dramaticidade da partida foram lembrados pela imprensa fora do Brasil

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Reprodução
"Brasil vence nos pênaltis contra o Chile em um final dramático e passa às quartas", diz o Clarín

O dramatismo que marcou a classificação brasileira, dentro do Mineirão, às oitavas da Copa do Mundo, causou grande impacto na repercussão internacional. Jornais do mundo inteiro comentaram os rumos que a partida tomou após a seleção sofrer o empate e arrancar uma vitória só confirmada na quinta cobrança de pênalti, batida por Neymar.

Na Espanha, o “Marca” disse que o Brasil 'bateu na madeira', em uma alusão ao fato de a equipe espantar o azar com a defesa das penalidades e avançar na competição. Para os espanhóis, o país mereceu a vitória pelo futebol mostrado no primeiro tempo, mas o Chile foi superior no segundo.

O inglês “Daily Mail” manchetou que a seleção usou um “estilo dramático para garantir seu bilhete para às quartas”. O jornal rebate às afirmações certeiras de que o Brasil será hexa caso tenha que viver mais momentos como este.

A imprensa argentina também enfatizou todo o sofrimento deste sábado. Acostumado a brincadeiras, o diário esportivo “Olé” destacou as lágrimas de Neymar após o pênalti convertido que garantiu o Brasil na próxima fase.

Já o “Clarín” ressalta a surpresa aprontada pelo Chile, que fez com que os brasileiros passassem muito sufoco. “Houve um dramatismo que o Brasil não esperava passar no primeiro mata-mata do Mundial”, dizia a matéria.

Leia tudo sobre: dramabrasilsufocoimprensamineirãoclassificaçãoseleção brasiloitavasquartasclarínolémarcadaily mail