PTB ratifica apoio ao PSDB por aclamação

iG Minas Gerais |

SALVADOR. Sob protesto de dissidentes e clima tenso, o PTB aprovou ontem o apoio à candidatura presidencial do tucano Aécio Neves, em convenção nacional realizada em Salvador. Em cerimônia conduzida pelo presidente da legenda, Benito Gama, com cerca de cem integrantes do partido presentes, a decisão foi aprovada por aclamação, sem ser colocada em votação. Os favoráveis se levantaram e confirmaram o apoio a Aécio, formando maioria entre os presentes.  

Apesar da aliança nacional, a legenda fica liberada para se coligar com o PT nos Estados. Aliado de Dilma Rousseff (PT) até a semana passada, o PTB também apresentou nomes como sugestão para a vaga de vice na chapa de Aécio, ainda não preenchida, como o de Marlene Campos Machado, mulher do deputado estadual Campos Machado (PTB-SP) e pré-candidata ao Senado.

A convenção foi marcada por críticas provenientes dos diretórios de Pernambuco e do Rio Grande do Sul. O senador Armando Monteiro Neto (PE), que disputará o governo de Pernambuco, fez as mais duras críticas e afirmou que não recebeu “sequer um telefonema” para ser consultado sobre o posicionamento. Visivelmente irritado, Benito Gama rebateu as críticas. “A bancada, decidiu fazer blocão com o PMDB contra a presidente Dilma”, justificou.

Jefferson Homenagem. O PTB colocou na entrada da convenção um grande cartaz com a foto do condenado pelo mensalão, Roberto Jefferson. “Estou com vocês de coração”, dizia o cartaz.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave