Chilenos aproveitam estadia em BH para conhecer Mercado Central

Chilenos aproveitaram a sexta-feira para fazer compras e experimentar pratos típicos

iG Minas Gerais | Lohanna Lima |

ESPORTES. BELO HORIZONTE, MG.

Chilenos chegam em Belo Horizonte.

FOTO: LINCON ZARBIETTI / O TEMPO / 27.06.2014
Lincon Zarbietti / O Tempo
ESPORTES. BELO HORIZONTE, MG. Chilenos chegam em Belo Horizonte. FOTO: LINCON ZARBIETTI / O TEMPO / 27.06.2014

Seja para fazer compras, encontrar os amigos, ou experimentar pratos típicos da culinária mineira, o Mercado Central é um dos lugares mais visitados pelos belo-horizontinos. Com diversos jogos da Copa do Mundo sendo realizados na capital mineira, o local também foi tomado por estrangeiros. Devido a partida entre Brasil e Chile, no Mineirão, neste sábado, os chilenos aproveitaram a estadia na cidade para se misturar aos mineiros nos corredores do Mercado.

O casal Luís Silva e Amelia Aguilera estão pela primeira vez em Belo Horizonte e resolveram visitar o tradicional ponto de encontro dos mineiros. “Compramos queijo, doce de leite, além de algumas lembrancinhas para levarmos ao Chile. Observamos que são muitos trabalhadores para pouco espaço e as pessoas são muto amáveis e carinhosas, diz Luís. Já Aguilera aproveitou para mostrar o presente que recebeu de um comerciante. “Não pense que foi meu marido que me deu essa rosa, foi um senhor muito simpático de uma outra banca. O Luís não tem ciúmes”, diverte-se a chilena.

O tio e sobrinho Diego Aldunate e Jorge Aldunate experimentaram o fígado acebolado com pimenta, enquanto outro grupo de chilenos elogiava a cerveja e as pessoas da cidade, enquanto decidiam o que comer em um dos bares do Mercado. " Gostamos muito da comida mineira e do Mercado. As pessoas se comunicam muito", diz Jorge. 

Proprietário de uma banca de doces e queijos, Rogério Gonçalves se diz satisfeito com a movimentação dos turistas  pelo Mercado. “Tenho oito funcionários e eles não têm oportunidade de conhecer lugares fora do Brasil. O Mercado que, normalmente, já é  alegre, está mais divertido ainda. Os estrangeiros são muito barulhentos e as pessoas que trabalham comigo estão adorando”, explica. 

Leia tudo sobre: chilenosMercado CentralBHseleção chilena