Porta-voz informa pagamentos, e Nigéria volta aos treinos

Ben Alaiya afirmou que não há dívidas e destacou boa atmosfera do elenco para disputa das oitavas

iG Minas Gerais | FOLHAPRESS |

Kirsty Wigglesworth / AP Photo
undefined

Após cancelar um treinamento em Campinas, a seleção da Nigéria treinou nesta sexta-feira (27) em Brasília com os problemas sobre pagamentos de bônus resolvidos.

Segundo o porta-voz do time, Ben Alaiya, todos os pagamentos da equipe estão em dia. De acordo com ele, o treinamento desta quinta (26) foi cancelado porque houve uma longa reunião entre jogadores e equipe técnica e por isso a sessão foi transferida para esta sexta-feira (27) em Brasília.

Eles chegaram em Brasília às 16h30 e treinaram pouco antes das 19h. Alaiya não quis dar detalhes sobre se houve um pagamento nesta sexta-feira (27).

"Pode ter ocorrido pequenas questões aqui e ali. Mas está tudo resolvido. Eu não falo sobre dinheiro, isso é entre os jogadores e a federação. Pode ter havido uma discussão sobre dinheiro na reunião, mas não é uma [questão] que leve a não jogar. Está absolutamente resolvido. O que passou, passou.

"Não há problema. Todos os pagamentos estão em dia. A atmosfera do time está ótima e estamos concentrados para o jogo", disse.

A seleção da Nigéria não é o único time africano a protagonizar problemas sobre pagamentos durante a Copa. Camarões atrasou a chegada ao Brasil para o início do torneio.

Gana foi mais longe e fez o presidente do país enviar um avião com US$ 3 milhões em dinheiro vivo antes da última partida, contra Portugal.

Leia tudo sobre: Nigériapagamentosoitavassoluçãoatrasosdívidas