Sem David Luiz, Felipão faz mistério em último treino da seleção

Atividade realizada no SESC Venda Nova só teve presença da imprensa nos minutos finais e treinador não confirmou alterações

iG Minas Gerais | JOSIAS PEREIRA |

Membros da imprensa e torcedores marcam presença na porta do Sesc Venda Nova para ver a seleção
THIAGO NOGUEIRA/WEBREPORTER
Membros da imprensa e torcedores marcam presença na porta do Sesc Venda Nova para ver a seleção

O último treinamento da seleção brasileira antes da partida decisiva contra o Chile, neste sábado, no Mineirão, pelas oitavas de final da Copa do Mundo, foi marcada pela ausência do zagueiro David Luiz. Luiz Felipe Scolari optou por fechar a atividade e só permitir a entrada da imprensa nos últimos trinta minutos. Quando os portões do SESC Venda Nova, em Belo Horizonte, foram abertos, o que pode ser visto foi apenas um descontraído rachão que não contou com a participação de David Luiz. Segundo a CBF, o zagueiro havia treinado à parte no primeiro período do treinamento.

O defensor sentiu uma contratura nas costas durante o último treinamento na Granja Comary, em Teresópolis, e transformou-se em uma das preocupações da comissão técnica. Sem o defensor, Felipão poderá promover a entrada de Dante, que inclusive chegou a treinar entre os titulares.

Outra mudança na seleção deverá ser a entrada de Fernandinho na vaga de Paulinho. Felipão também testou Maicon na vaga de Daniel Alves, além de Ramires no lugar de Hulk. No entanto, as alterações não foram confirmadas pelo treinador, que em entrevista coletiva no Mineirão, na manhã desta quinta-feira, evitou adiantar o time titular.

"Já está resolvido. Vamos entrar com 11. Maicon, Daniel Alves, David Luiz... Pode até jogar Ramires de lateral. O time já está montado, esse assunto é para amanhã. Não se passa antecipado é porque temos treino, e, no treino, pode torcer um tornozelo. Tenho 23, escolho 11 amanhã", declarou o treinador.