Torcedores e jornalistas de 'tocaia' na porta do Sesc Venda Nova

Profissionais de imprensa, moradores do bairro Novo Letícia e curiosos estão em frente ao local onde a seleção brasileira está treinando

iG Minas Gerais | THIAGO NOGUEIRA |

A movimentação de jornalistas, moradores e curiosos é grande na porta do Sesc Venda Nova, nesta sexta-feira, no bairro Novo Letícia, onde a seleção brasileira faz seu último treino antes da partida contra o Chile, neste sábado, pelas oitavas de final da Copa do Mundo.

A entrada dos repórteres credenciados só será autorizada meia hora antes do fim da atividade, que teve início às 13h. Segundo moradores, desde quinta-feira, jornalistas frequentam o local em busca de ângulos para observar o treinamento, o que não é possível porque o campo fica em um vale.

Antes do Brasil, a seleção chilena e as equipes sub-20 do Chile e da Argentina também treinaram no local. O acesso na porta do Sesc é controlada pela polícia. Apenas moradores são autorizados a passar.

Enquanto o treino não é liberado, repórteres gravam entrevistas e bate-papos. A equipe do programa humorístico Pânico também está no Sesc.

Leia tudo sobre: BrasilChileSesc