Thiago Silva não vê como provocação a alta confiança do Chile

Zagueiro brasileiro acredita que este tipo de atitude dos chilenos é algo comum no mundo do futebol

iG Minas Gerais | FELIPE RIBEIRO E FERNANDO ALMEIDA |

Em todas as entrevistas coletivas de imprensa de jogadores do Chile, dois fatos são sempre fáceis de serem notados: a alta confiança na qualidade da Roja e a certeza que a vitória contra o Brasil é muito possível. Para o capitão do Brasil, Thiago Silva, isto é normal no meio do futebol e não uma afronta à equipe canarinho.

O defensor ainda ressalta a importância de ter esta auto confiança e prefere não entrar em polêmica com o atacante Alexis Sánchez, um dos mais ‘exaltados’ quando este assunto foi levantado.

“Não vejo como provocação. Ele (Sánchez) confia no time dele como eu no meu. Se ele não confia, quem vai confiar? Não estou aqui para responder ninguém. Se ele veio para fazer historia, eu também”, disse Thiago Silva.

“Nesse confronto vai sair um vencedor e eu espero que seja o Brasil. O respeito com a equipe do Chile a gente tem. Se eles não têm com a gente é com eles”, completou o zagueiro, que terá como missão impedir as ações do avante chileno.

Leia tudo sobre: thiago silvaalexis sanchezconfiancaCopa do Mundobrasilchile