CBF mostra irritação com polêmica chilena sobre arbitragem

Valdivia e Alexis Sánchez apontaram que estão preocupados com a atuação do árbitro do duelo deste sábado

iG Minas Gerais | FELIPE RIBEIRO E FERNANDO ALMEIDA |

O árbitro Howard Webb foi o juiz do confronto
AP Photo/ Toby Melville, Pool
O árbitro Howard Webb foi o juiz do confronto

O tema arbitragem voltou a ser levantado em uma coletiva de imprensa da seleção brasileira e a resposta veio direta do diretor de comunicação da Confederação Brasileira de Futebol, Rodrigo Paiva. A irritação da CBF foi clara e direcionada, principalmente, aos repórteres, jogadores e dirigentes do Chile.

Com palavras fortes, Paiva deixou claro que estes questionamentos em relação à arbitragem vindos de jogadores do Chile, como Valdívia e Alexis Sánchez, ferem não apenas a Fifa, mas também a seleção e o povo brasileiro.

“Sobre isso a gente vai falar sobre uma vez. A imprensa do Chile tem insistido nesse tema, que É primitivo, é imaturo, é ridículo. Não é um desrespeito com a Fifa só não, mas com os árbitros, com a seleção, com os 100 anos de futebol, é com as pessoas que trabalham aqui. É um desrespeito com o povo brasileiro. A gente não precisa de árbitro para ganhar titulo. Não adianta insistir que a gente não vai falar mais sobre isso”, disse Rodrigo Paiva, sem deixar Felipão ou Thiago Silva responderem a pergunta do repórter chileno.

Leia tudo sobre: arbitragemfifacbfCopa do Mundochilebrasil