Líderes das siglas negam tática especial na região Sul

iG Minas Gerais |

Aliados dos dois pré-candidatos ao governo de Minas acreditam que não passa de uma “coincidência” o fato de Fernando Pimentel (PT) e Pimenta da Veiga (PSDB) terem escolhido a região Sul como principal destino das viagens.  

Para o presidente do PSDB de Minas, deputado Marcus Pestana, o Sul de Minas é uma região com grande presença do PSDB. “Não vejo como uma estratégia especial do nosso partido. Estamos atendendo a convites das lideranças das regiões”, explica.

O tucano garante, porém, que o bom desempenho de um candidato nas urnas depende diretamente de uma presença do candidato em todas as regiões do Estado. “Na campanha, todas as regiões precisam ser atacadas. A partir do início oficial do período eleitoral, estaremos em outras cidades”.

Presidente do PT de Belo Horizonte e braço direito de Pimentel em Minas, o deputado Miguel Corrêa justifica a grande presença no Sul do Estado com o número de prefeitos da base aliada na região. “Temos muitos nomes do PT lá. É natural nossa presença, mas estamos programando vários viagens por diversas cidades”, argumenta.

Estratégias

Viagens. O PT estabeleceu as regiões Sul, metropolitana, Norte e Triângulo Mineiro como prioritárias para a campanha de Pimentel. O PSDB, porém, prefere dizer que todas as cidades são essenciais.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave