Marcelo Oliveira prevê confrontos mais difíceis contra mexicanos

Treinador elogiou a qualidade do futebol do México e acredita que as dificuldades irão aumentar nos próximos amistosos

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Marcelo Oliveira tem se mostrado satisfeito com os últimos resultados da Raposa
WASHINGTON ALVES/ VIPCOMM
Marcelo Oliveira tem se mostrado satisfeito com os últimos resultados da Raposa

O Cruzeiro não encontrou muitas dificuldades para vencer os dois primeiros amistosos nos Estados Unidos, ambos contra os americanos do Miami Dade, por 5 a 1 e 2 a 1. Porém, a Raposa não deve ter pela frente muita facilidade nos três próximos amistosos na terra do Tio Sam.

Os cruzeirenses terão pela frente três clubes mexicanos, que estão entre os principais clubes do país. O primeiro deles será nesta sexta-feira, às 21h30 (horário de Brasília), contra o América, no Cotton Bowl Stadium, em Dallas. Na sequência da intertermporada, a agremiação estrelada terá pela frente o Tigres, no dia 3 de julho, no BBVA Compass Stadium, em Houston, e o Chivas Gualajara, no dia 6, às 22h, em El Paso, com ambas as partidas ocorrendo às 22h (horário de Brasília).

O técnico Marcelo Oliveira sabe que a equipe celeste será muito mais exigida diante os rivais mexicanos do que foi nos dois primeiros jogos contra os americanos, que ainda buscam uma maior tradição no futebol.

“O futebol mexicano sempre foi bom, em relação aos times, porque importam jogadores da Argentina e do Brasil. Certamente serão dificuldades maiores, mas é para isso que estamos aqui. Precisamos mostrar um time competitivo, criar situações novas, principalmente com o ataque”, disse.

Para a partida contra o América, nesta sexta-feira, o treinador revelou que vai manter a mesma equipe que iniciou o segundo jogo contra o Miami Dade-EUA. Assim, os cruzeirenses titulares serão Fábio, Mayke, Manoel, Léo e Egídio; Henrique, Lucas Silva, Éverton Ribeiro, Ricardo Goulart e Alisson; Marcelo Moreno.    

Leia tudo sobre: CruzeiroRaposaMarcelo OliveiraintertemporadaEUAamistososmexicanosdificuldades