Idoso é morto a facadas após se recusar a pagar por programa

Suspeitos do crime são a moradora de rua, que se encontrou com a vítima, e um conhecido dela chamado "Ratinho"; dupla nega homicídio

iG Minas Gerais | Fernanda Viegas |

Um idoso que teria se recusado a pagar por um programa, foi morto a facadas, em Pirapora, no Norte de Minas. O corpo dele foi encontrado na manhã desta quarta-feira (25), em uma oficina mecânica. A moradora de rua, que esteve com a vítima, e um conhecido dela, foram presos, suspeitos pelo crime.

O dono de uma oficina mecânica, na rua Rio Grande do Sul, no bairro Santo Antônio, acionou a Polícia Militar (PM) após chegar ao local de trabalho e encontrar o corpo de Reinaldo Alves Pereira, 60. Diante da possibilidade de assassinato, a PM verificou as imagens gravadas pelo o sistema de câmeras de um imóvel nas proximidades e os militares constataram que no dia anterior, por volta das 20h, Pereira era perseguido pela moradora de rua Livânia silva, 19, que segurava uma faca.

Os policiais fizeram rastreamentos e localizaram a suspeita. Questionada, Livânia alegou que, na noite anterior, teria feito um programa com a vítima, mas que ele teria se negado a pagar pelo programa e ainda a agredido com socos. Ainda, Livânia disse que no instante em que era agredida por Pereira, foi socorrida por Ricardo Ferreira, 21, conhecido como “Ratinho”. Ferreira teria tomado a faca das mãos dela e esfaqueado Pereira.

Livânia assumiu que estava com a faca, porém, disse que era apenas para intimidar a vítima a pagar pelo programa. Após buscas, os militares localizaram o suspeito Ferreira, que negou qualquer participação no crime, atribuindo-o à Livânia. Os suspeitos foram conduzidos para delegacia.  

Leia tudo sobre: facadaidosoprogramamoradora de rua"Ratinho"