Move teve poucos usuários em seu primeiro dia na estação Vilarinho

A partir de agora, os usuários de Venda Nova poderão contar com várias opções de transporte rápido,

iG Minas Gerais | JOSÉ VÍTOR CAMILO |

Estações Vilarinho e Venda Nova passaram a contar com o Move a partir desta quinta-feira (26)
ALEX DE JESUS/O TEMPO
Estações Vilarinho e Venda Nova passaram a contar com o Move a partir desta quinta-feira (26)

A população de Venda Nova passa a contar a partir desta quinta-feira (26) com o Move nas estações Vilarinho e Venda Nova. As linhas troncais 65 (Estação Vilarinho/Centro via Antônio Carlos) e 63 (Estação Venda Nova/Lagoinha), que já existiam, agora passam a integrar o Move.

Conforme as informações da Empresa de Transportes e Trânsito de Belo Horizonte (BHTrans), as duas linhas operam em corredor exclusivo em seus itinerários, o que acelera as viagens e traz um maior conforto para os usuários. As duas também param na estação Pampulha, o que permite a integração dos moradores da região de Venda Nova com toda a rede de alimentação da Pampulha e outros destinos do Move.

Na estação Vilarinho, a linha 65 circula com ônibus articulados e opera nos dias úteis e sábados. Os veículos partem da estação e param nas Estações de Transferência das avenidas Pedro I e Antônio Carlos, além da estação Pampulha. Já na região central, a linha passa pelas estações Tamoios (na avenida Paraná) e São Paulo (avenida Santos Dumont).

Nos horários de pico, a linha 65 também atendia a Cidade Administrativa. A partir desta quinta, o transporte para a sede do governo será feito pela linha alimentadora 642 (Estação Venda Nova/Estação Vilarinho/Cidade Administrativa), que teve novo reforço para atender à esta demanda.

Em seu primeiro dia com o Move, a estação Vilarinho teve poucos usuários que optaram pelo sistema rápido de ônibus, inclusive no horário de pico, já que a maioria escolheu o metrô para ir para o trabalho.  A aposentada Maria Inês de Araújo, de 64 anos, gostou do sistema. "Gostei dessa ideia de pagar antes de embarcar, porque a gente pode entrar pelas portas traseiras e do meio, o que diminui o tumulto na hora do embarque", afirmou.

Assim como na implantação das outras etapas do Move, a principal reclamação dos usuários foi sobre a falta de informação. Muitas pessoas ficaram perdidas, sem saber como fazer a integração ou qual linha pegar. A professora Alessandra Martins, de 42 anos, foi uma das que teve dúvidas. "Comprei um cartão de passagem e ele foi bloqueado. Tive que voltar para comprar outro e ele também foi bloqueado, só depois disso um rapaz me liberou. Achei tudo muito confuso e com pouca informação", reclamou.

Entretanto, diferentemente das demais implantações do sistema, nenhumas das linhas que atendem ao bairro foram extintas para serem substituídas por novas linhas alimentadoras. Como os ônibus que levam às estações continuam parando nos mesmos pontos de antes, o número de informações a serem absorvidas pelos usuários reduziu.

Venda Nova

Já na estação Venda Nova, a linha 63 opera com ônibus padrão, porém, mais modernos e com ar condicionado. Assim como a linha 65, ela também faz uma parada na estação Pampulha e nas Estações de Transferência das avenidas Vilarinho, Pedro I e Antônio Carlos, retornando para o bairro na região da Lagoinha.

No período noturno, domingos e feriados, os usuários de Venda Nova deverão utilizar a linha 63. Entre meia-noite e 4h, a linha trafega pela pista mista da Antônio Carlos e vai até as estações Carijós (avenida Paraná) e Rio de Janeiro (avenida Santos Dumont), no Centro.

As viagens realizadas pela linha 6025 (Maria Helena B/Centro) passarão a ser atendidas a partir desta quinta pela alimentadora 625 (Maria Helena B/Estação Venda Nova). Os usuários da linha que quiserem ir ao Centro deverão fazer integração com a linha 61 (Estação Venda Nova/Centro direta). Para acesso à avenida Antônio Carlos a integração deverá ser feita com a linha 63, sendo que a tarifa integrada das duas linha permanece em R$ 2,85. 

Leia tudo sobre: MOVEESTAÇÃO VILARINHOESTAÇÃO VENDA NOVATRANSPORTE6365ALIMENTADORASESTAÇÕES