109 estrangeiros foram presos na RMBH desde o início da Copa

De acordo com o balanço divulgado hoje pelo Governo do Estado, colombianos lideram o número de prisões de estrangeiros durante o torneio

iG Minas Gerais | BERNARDO MIRANDA |

Os colombianos lideram o número de prisões de estrangeiros em Belo Horizonte durante a Copa do Mundo. De acordo com o balanço divulgado hoje pelo Governo do Estado, foram 109 prisões efetuadas na região metropolitana de Belo  Horizonte desde o início do mundial, sendo 51 turistas estrangeiros. Desse total, 35 eram colombianos,  cinco peruanos, quatro ingleses,  três argentinos, três franceses e um neozelandeses.

O secretário de Estado de Turismo e Esportes, Tiago Lacerda explicou que os casos de furto foram os mais frequentes entre as prisões “A maioria dessas prisões estão relacionadas a pequenos furtos e roubos.  Porém, houveram casos também de dano ao patrimônio público”, afirmou. No Hospital de Pronto Socorro João XXIII foram 11 atendimentos a estrangeiros, inclusive do inglês atropelado na avenida do Contorno.

No Mineirão , foram 194 pessoas atendidas no posto dentro do estádio e 22 que precisaram ser encaminhadas a Unidade de Pronto Atendimento montada no entorno do estádio.

Até o momento, ainda não há um balanço fechado de quantos turistas estrangeiros já passaram por Belo Horizonte. Porém, pelos 22 mil chegaram a serem atendidos nos guichês de informações turísticas espalhados pela cidade, a expectativa é que até o fim da Copa, 140 mil turistas de fora do país passem pela capital, sendo que esse número pode chegar a 190 mil.

Transporte

O balanço feito nos transportes da Copa mostra que grande parte dos torcedores optou pelo transporte público para chegar até o Mineirão.  Nos quatro jogos, 75 mil torcedores utilizaram os ônibus dos terminais Copa em Belo Horizonte. Além disso, 9700 vieram direto do Aeroporto de Confins para o Mineirão, nos ônibus disponibilizados pelo governo Estadual.  Além disso, pelo menos cinco mil pessoas por jogo utilizaram o Move. 

Leia tudo sobre: COPA DO MUNDO