Melhor do jogo, goleiro do Equador lamenta eliminação

Arqueiro conseguiu segurar o ataque francês, mas equipe não conseguiu a classificação; ele espera que grupo tire lições da Copa

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

undefined

O goleiro do Equador Domínguez parou o ataque da França, foi eleito pela Fifa o melhor jogador em campo, mas não teve muito o que comemorar. Como o ataque equatoriano não fez a sua parte no empate sem gols com os franceses, a seleção sul-americana acabou eliminada na primeira fase da competição.

Após a partida, o arqueiro espera o grupo saiba absorver o impacto da derrota e que aprenda com a eliminação. “Vamos analisar (a eliminação) da forma mais correta. Que nos sirva de experiência para tudo que temos pela frente. Temos uma grande seleção, espero que possamos assimilar e aproveitar isso”, declarou.

Domínguez disse que sabia das dificuldades, lamentou a expulsão de Valencia, no segundo tempo, mas se diz feliz pela experiência de disputar uma Copa do Mundo. “Sabíamos que iríamos enfrentar um rival que joga muito bem futebol, planejamos um jogo, foi complicado com a expulsão de um jogador. Agradeço a oportunidade do treinador, estou feliz por tudo pelo o que esse jogo significou”, afirmou

Sobre a grande atuação diante os franceses, o goleiro afirmou que a qualidade dos jogadores adversários o motivou ainda mais durante a partida. “Penso que me motivei muito. Sabemos que o ataque deles tem jogadores excelentes, principalmente o Benzema. Ter esses monstros nos motiva ainda mais”, concluiu.

Leia tudo sobre: Copa do MundoEquadorgoleiroDominguezeliminacaolamentacaoexperiencia