Só Neymar e Paulinho estiveram em campo no Brasil e Chile do Mineirão

Apenas atletas que atuavam em seus países foram convocados; jogo marca a última convocação de Ronaldinho Gaúcho pela seleção até então

iG Minas Gerais | THIAGO NOGUEIRA |

Esportes - Belo Horizonte, Mg. Brasil vs Chile no Estadio do Mineirao em Belo Horizonte. 
ÚLTIMO AMISTOSO ANTES DA CONVOCAÇÃO DA SELEÇAO BRASILEIRA PARA A COPA DAS CONFEDERAÇÕES
MG - AMISTOSO/BRASIL X CHILE - ESPORTES
Vista geral do Estádio Governador Magalhãs Pinto (Mineirão), em Belo Horizonte (MG), local onde as seleções de Brasil e Chile se enfrentam em amistoso na noite desta quarta-feira, 24
Na foto: GOL DO ZAGUEIRO REVER
leo fontes
Esportes - Belo Horizonte, Mg. Brasil vs Chile no Estadio do Mineirao em Belo Horizonte. ÚLTIMO AMISTOSO ANTES DA CONVOCAÇÃO DA SELEÇAO BRASILEIRA PARA A COPA DAS CONFEDERAÇÕES MG - AMISTOSO/BRASIL X CHILE - ESPORTES Vista geral do Estádio Governador Magalhãs Pinto (Mineirão), em Belo Horizonte (MG), local onde as seleções de Brasil e Chile se enfrentam em amistoso na noite desta quarta-feira, 24 Na foto: GOL DO ZAGUEIRO REVER

Faz pouco tempo que Brasil e Chile se enfrentaram no Mineirão. Foi em abril de 2013, uma partida-teste para o recém-reformado Mineirão. Naquela ocasião, apenas jogadores que atuavam no Brasil foram convocados. A seleção saiu perdendo, virou o placar, mas levou o empate no fim.

Do atual grupo brasileiro, apenas Neymar, então jogador do Santos, e Paulinho, no Corinthians na época, estiveram em campo. O atual camisa 10 brasileiro fez um dos dois gols brasileiros. O outro foi marcado por Réver. Desde aquele jogo, Ronaldinho Gaúcho, em atuação discreta, não foi mais lembrado pelo técnico Felipão nas convocações da seleção.

Pelo time chileno, o goleiro Herrera, o zagueiro Rojas, o lateral-esquerdo Mena e o atacante Vargas participaram daquele jogo e continuam nos planos do técnico Jorge Sampaoli.

Que diferença! 

Dois meses depois, o Brasil voltaria a atuar no Gigante da Pampulha. Era a semifinal da Copa das Confederações, contra o Uruguai. Desta vez, Felipão pôde contar com o que tinha de melhor. Todos os 11 jogadores daquela partida, além dos substitutos Bernard, Hernanes e Dante, fazem parte do atual elenco.

Os times de Brasil e Chile no empate por 2 a 2:

Brasil Diego Cavalieri; Jean (Marcos Rocha), Dedé (Henrique), Réver e André Santos; Ralf (Fernando), Paulinho, Jadson (Osvaldo) e Ronaldinho Gaúcho; Neymar e Leandro Damião (Alexandre Pato).  Técnico: Luiz Felipe Scolari

Chile Johnny Herrera; Cristián Álvarez, José Rojas, Marcos González e Eugenio; Mena, Braulio Leal, Fernando Meneses (Carloz Muñoz) e Lorenzo Reyes; César Cortés (José Fuenzalida), Vargas (Andrés Robles) e Patricio Rubio (Figueroa). Técnico: Jorge Sampaoli

O Brasil da vitória de 2 a 1 sobre o Uruguai:

Julio Cesar; Daniel Alves, Thiago Silva, David Luiz e Marcelo; Luiz Gustavo, Paulinho, Hulk (Bernard) e Oscar (Hernanes); Neymar (Dante) e Fred

Leia tudo sobre: Copa do MundoBrasilChileMineirão2013Ronaldinho