Explosão mata pelo menos 21 na capital da Nigéria

A suspeita é de que o Boko Haram, grupo islamita extremista que atua no país, seja responsável pelo novo ataque

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Pelo menos 21 pessoas morreram e 17 ficaram feridas por causa de uma explosão nesta quarta-feira (25) em um shopping em Abuja, capital da Nigéria.

A explosão, cuja causa ainda não foi determinada, aconteceu cerca de uma hora antes do início da partida entre Nigéria e Argentina na Copa do Mundo. Não está claro se há relação entre o momento da explosão e o jogo.

"Recebemos informações por volta das 16h (12h no horário de Brasília) sobre uma explosão" no centro comercial de Emab Plaza, localizado perto da sede do governo, declarou à agência de notícias AFP Manzo Ezekiel, porta-voz da Agência Nacional de Gestão de Situações de Emergência. "As operações de resgate começaram. Vemos colunas de fumaça. É um lugar onde havia muita gente. Está cheio porque é um dia de trabalho", acrescentou.

"Depois de uma investigação inicial, podemos confirmar que 21 pessoas morrem e 17 ficaram feridas", disse o porta-voz da polícia Frank Mba.

A suspeita é de que o Boko Haram, grupo islamita extremista que atua no país, seja responsável pelo ataque. Embora concentre suas ações no nordeste da Nigéria, o grupo passou a agir também na capital.

Também nesta quarta, uma explosão em Adamawa, no norte, não deixou feridos.

No último dia 17, pelo menos 21 pessoas morreram no norte do país em uma explosão quinze minutos após o início de uma partida da Copa do Mundo. O ataque ocorreu na cidade de Damaturu, onde centenas de torcedores se reuniam diante de um telão para assistir ao jogo entre Brasil e México.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave