Já fora, Bósnia vence e elimina Irã da Copa

Estreante em Mundiais, seleção europeia conseguiu a primeira vitória na competição

iG Minas Gerais | FOLHAPRESS |

O atacante Dzeko fez o primeiro gol do triunfo europeu sobre os iranianos
Reprodução Facebook
O atacante Dzeko fez o primeiro gol do triunfo europeu sobre os iranianos

A Bósnia venceu o Irã por 3 a 1 nesta quarta-feira (25), pela terceira rodada do Grupo F, na Arena Fonte Nova, em Salvador, e eliminou os iranianos da Copa do Mundo.

A três pontos da Nigéria, segunda colocada do grupo, o Irã precisava vencer a Bósnia e ainda contar com vitória da Argentina sobre a Nigéria para avançar às oitavas de final.

Apesar de precisar do resultado, o Irã adotou postura defensiva e foi envolvido pela Bósnia durante boa da partida. Pagou caro por isto: aos 22 min, o atacante Dzeko, do Manchester City, se livrou da marcação e arriscou de fora da área para abrir o placar do jogo. A bola entrou no canto, sem chances para o goleiro iraniano Haghighi.

O Irã teve a chance de empatar um minuto depois. Shojaei recebeu dentro da área e chutou forte, mas a bola acertou o travessão. O atacante Ghoochannejad chegou a pegar o rebote, mas o auxiliar marcou impedimento na jogada.

No segundo tempo, após falha da defesa do Irã aos 13 min, Pjanic ficou cara a cara com o goleiro e ampliou o placar.

O Irã chegou a descontar com o atacante Ghoochannejad aos 36min, mas o bósnio Vrsajevic marcou no lance seguinte, aos 38 min, e definiu o placar do jogo.

Estreantes em Mundiais, os bósnios conseguiram a primeira vitória na Copa. Antes, a Bósnia havia perdido para a Argentina, por 2 a 1, no Maracanã, no Rio de Janeiro, no dia 15, e para a Nigéria, por 1 a 0, na Arena Pantanal, em Cuiabá, no dia 21.

Já o Irã, que havia empatado com a Nigéria em partida sem gols na Arena da Baixada, em Curitiba, no dia 16, e perdido para a Argentina por 1 a 0, no Mineirão, em Belo Horizonte, no dia 21, conseguiu o seu primeiro gol na Copa, mas está eliminado do Mundial.

BÓSNIA-HERZEGÓVINA Begovic; Vrsajevic, Spahic, Sunjic e Kolasinac; Besic, Pjanic, Susic (Salihovic) e Hadzic (Vrjanes); Ibisevic e Dzeko (Visca). Técnico: Safet Susic

IRÃ Haghighi; Montazeri, Sadeghi, Hosseini e Pouladi; Nekounam e Teymourian; Shojaei (Heydari), Dejagah (Karim) e Hajisafi (Jahanbakhsh); Goochannejad. Técnico: Carlos Queiroz Estádio: Fonte Nova, em Salvador Árbitro: Carlos Velasco Carballo (Espanha) Gol: Dzeko, aos 22 min do 1º tempo; Pjanic aos 14 min, Goochannejad, aos 36 min, e Vrsaevic, aos 38 min do 2º tempo Cartão amarelo: Besic (B) e Karim (I)

Leia tudo sobre: BósniaIrãCopa do MundofutebolvitóriaestreanteFonte Novadespedida