Balotelli se irrita com críticas e rebate: 'mais forte do que antes'

Craque italiano teria sido acusado por eliminação precoce da Azzurra por conta de gols perdidos e "incorporar" personagem

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Site oficial/Divulgação
undefined

A eliminação inesperada e precoce da Itália foi lamentada por todo o grupo. Os italianos resolveram dividir a culpa e não jogaram a responsabilidade de ninguém, a princípio. No entanto, algumas indiretas de De Rossi e Pirlo, e até de torcedores, irritaram o craque Mario Balotelli, que foi ao Instagram se defender das críticas.

Na postagem, o atleta se isenta de ter sido culpado pela derrota diante do Uruguai e da Costa Rica – grande sensação do grupo da morte – e reafirma sua nacionalidade italiana. Balo é filho de um casal ganês, mas nasceu e foi criado na “bota”, sob os cuidados de uma família também de origem italiana.

“Eu sou Mario Balotelli, tenho 23 anos e não escolhi ser italiano. Realmente queria porque eu nasci na ITÁLIA e sempre vivi na ITÁLIA. Não me culpe por eu ter sido abaixo só desta vez, porque Mario Balotelli deu tudo para a equipe nacional e não perdeu nada”, escreveu o craque.

O atacante também garante que seguirá “mais forte do que antes” e até faz uma comparação entre brancos e negros, dizendo que seus “irmãos” jamais o acusariam desta forma.

“Mario Balotelli tem uma consciência clara e está pronto para ir para a frente mais forte do que antes e com a cabeça erguida. Orgulhoso de ter dado tudo para o seu país. Ou talvez, como você diz, eu não sou italiano. Os africanos nunca descontariam em seu "irmão". SEMPRE. Nisto, nós negros, como somos chamados, estamos anos-luz à frente. VERGONHA que não podem perder um gol ou tomar mais ou menos. Embaraçoso SÃO ESTAS COISAS”, finalizou ele.