Linhas 63 e 65 serão integradas o Move apartir de quinta-feira

Expectativa é atender mais de 5 mil usuários por dia, segundo a Prefeitura de Belo Horizonte (PBH)

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Linhas 63 e 65 passam a integrar o Move na próxima quinta-feira
PEDRO GONTIJO / O TEMPO
Linhas 63 e 65 passam a integrar o Move na próxima quinta-feira

A partir desta quinta-feira (26) duas linhas tradicionais de coletivos de Belo Horizonte passaram a integrar o sistema do Move (nome dado ao BRT da capital, sigla em inglês para transporte rápido por ônibus). A partir desta data a linha 63 (Estação Venda Nova/Lagoinha) e 65 (Estação Vilarinho/Centro – via Antônio Carlos) vão passar a parar na Estação Pampulha, ligando a região de Venda Nova a outras regiões.

A expectativa é atender mais de 5 mil usuários por dia. Segundo a Prefeitura de Belo Horizonte (PBH) nesta fase, o número de veículos municipais circulando na pista de tráfego misto, no horário de pico da manhã, será reduzido dos atuais 140 para 129, no trecho entre o Anel Rodoviário e o Centro.  A redução acumulada neste trecho chega a 64% do volume de ônibus que circulava na pista mista antes do início da operação do MOVE.

Estação Vilarinho

A linha 65 atende atualmente a Cidade Administrativa nos horários de pico, atendimento que passará a ser feito, a partir de quinta-feira, pela linha alimentadora 642 (Estação Venda Nova/Estação Vilarinho/Cidade Administrativa), que terá reforço no quadro.

Estação Venda Nova

A atual linha paradora 63 (Estação Venda Nova/Lagoinha) operará com veículos do tipo padron, mais modernos e com ar condicionado, e também irá parar na Estação Pampulha. Ela terá paradas em todas as Estações de Transferência das avenidas Vilarinho, Pedro I e Antônio Carlos, retornando ao bairro na região da Lagoinha.

O atendimento aos usuários de Venda Nova no período noturno, e aos domingos e feriados, será feito pela linha 63. Entre 00h e 04h, a linha irá trafegar pela pista mista da avenida Antônio Carlos até as Estações Carijós (avenida Paraná) e Rio de Janeiro (avenida Santos Dumont), na Área Central. Aos domingos e feriados, a linha 63 irá passará pela Estação Vilarinho e irá até o Centro, operando também nas Estações Carijós (Avenida Paraná) e Rio de Janeiro (Avenida Santos Dumont).

Outras mudanças

A partir desta quinta-feira, as viagens realizadas pela linha 6025 (Maria Helena B/Centro) serão atendidas pela alimentadora 625 (Maria Helena B/ Estação Venda Nova), que terá reforço no quadro de horários. Para acesso ao Centro, os usuários da linha 625 farão a integração com a linha 61 (Estação Venda Nova/ Centro Direta), e, para acesso à Avenida Antônio Carlos, basta fazer a integração com a linha 63 (Estação Venda Nova/Lagoinha). Desta forma, a tarifa integrada com o uso das duas linhas permanece em R$2,85, possibilitando ainda outros destinos oferecidos pelo sistema MOVE.

Além disso, a linha 61 (Estação Venda Nova/Centro Direta), já em operação, terá paradas nas quatro Estações de Transferência da Avenida Vilarinho, de onde seguirá então, de forma direta, até a Área Central, com embarque e desembarque nas Estações Carijós (avenida Paraná) e São Paulo (avenida Santos Dumont), como de costume.

Leia tudo sobre: MOVE; BRT