Torcedores de Costa Rica chegam confiantes e de saias

Aficionados fazem homenagem às mulheres que trabalham com agricultura no país da América Central

iG Minas Gerais | DANIEL OTTONI E THIAGO PRATA |

Leonardo e tantos outros torcedores de Costa Rica estão estupefatos com campanha do time
Thiago Prata
Leonardo e tantos outros torcedores de Costa Rica estão estupefatos com campanha do time

Na chegada ao Mineirão, lá estavam os torcedores de Costa Rica, felizes, surpresos e impressionados com a ótima campanha de sua equipe na Copa do Mundo. Com um sorriso no rosto, eles se aproximavam do estádio confiantes em mais uma vitória, desta vez sobre a Inglaterra. E, como sempre, iam trajados com a camisa de sua seleção, com bandeiras, caras pintadas e saias. Mas espera um pouco. Saias?

Isso mesmo. Não apenas as mulheres, mas também alguns homens vestiam saias das cores vermelho, azul e branco, algo que remete aos kilts, dos escoceses. Trata-se de uma brincadeira e uma homenagem às tradições do país da América Central.

“Essa saia é uma ‘enagua’ usada pelas mulheres que trabalham com agricultura, na Costa Rica as mulheres que trabalham no campo. E acabamos usando essas ‘enaguas’ como se fosse uma coisa louca”, informou, em meio a risos, o produtor de cinema Leonardo Fallas, 33.

Assim como os torcedores costarriquenhos fazem suas loucuras fora dos gramados, a seleção de Costa Rica vem enlouquecendo os adversários, como se deu nos confrontos contra uruguaios e italianos. Será que é a vez da Inglaterra sentir a fúria dos Ticos?

“Creio oque podemos ganhar de 1 a 0. Mas um empate basta para ficarmos em primeiro lugar (do grupo D). Ninguém poderia crer numa campanha dessas. Estamos todos loucos. É uma surpresa. Pensávamos que teríamos apenas três jogos e voltaríamos pra casa. Mas este é o maior feito da história da seleção da Costa Rica”, comentou Leonardo.

E o torcedor acredita que os Ticos possam chegar ainda mais longe. “Talvez possamos avançar até as quartas de final. Depois disso, é muito difícil. Mas nas oitavas, acho que podemos jogar bem e nos classificar”, afirmou.

Leia tudo sobre: Costa Rica