Itália ou Uruguai, um dos dois volta para casa hoje

“É o jogo mais importante da minha carreira. Desde que o sorteio dos grupos foi feito nós sabíamos que a classificação só seria decidida na última partida”, afirmou o técnico da Itália, Cesare Prandelli.

iG Minas Gerais |


Balotelli é a esperança de gols do historicamente defensivo futebol italiano
JONNE RORIZ
Balotelli é a esperança de gols do historicamente defensivo futebol italiano

Juntas, as duas seleções são detentoras de seis títulos mundiais, dois do Uruguai e quatro da Itália. Quando chegaram ao Brasil para a disputa da Copa do Mundo, os dois países eram apontados, ao lado da Inglaterra, que já foi eliminada, como os principais candidatos às duas vagas do grupo D nas oitavas de final da competição.

Mas uruguaios e italianos acabaram sendo surpreendidos pela Costa Rica, única seleção do grupo D já garantida na próxima fase do Mundial, e com uma rodada de antecipação. Derrotados pela seleção caribenha, Itália e Uruguai chegaram a última rodada, hoje, decidindo quem segue na competição. O jogo está marcado às 13h, na Arena das Dunas, em Natal.

“É o jogo mais importante da minha carreira. Desde que o sorteio dos grupos foi feito nós sabíamos que a classificação só seria decidida na última partida”, afirmou o técnico da Itália, Cesare Prandelli.

O confronto entre as escolas sul-americana e europeia foi realizado apenas em duas oportunidades na história das Copas. Em 1970, as seleções empataram em 0 a 0. No Mundial de 1990, a Azzurra, em casa, levou a melhor sobre a Celeste Olímpica e venceu por 2 a 0.

Na decisão de hoje à tarde, a vantagem é da Itália, que joga por uma empate. O Uruguai só garante a vaga com uma vitória. Os classificados desse grupo vão enfrentar na próxima fase os classificados do grupo C.

“Será uma decisão e é com esse espírito que esperamos conquistar essa vaga”, afirmou Oscar Tabárez, técnico do Uruguai.

Histórico. Nas 17 participações anteriores em Copas, a Itália não conseguiu passar para a fase de oitavas em seis oportunidades. Foi assim em 1950, 1954, 1962, 1966, 1974 e 2010. Já o Uruguai, que antes deste Mundial no Brasil havia participado 11 vezes da competição, foi eliminado na primeira fase em 1962 e 2002. Contra a Azzurra, a Celeste vai completar seu jogo de número 50 pela principal competição do mundo, com 19 vitórias, 12 empates e 18 derrotas.

Mais presente na história dos mundiais, a Itália já fez 82 jogos pela competição, contando os dois contra Inglaterra e Costa Rica pelo grupo D. A equipe italiana tenta hoje, contra os uruguaios, sua 46 vitória em uma Copa do Mundo. A Azzurra tem ainda 21 empates e 16 derrotas.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave