Intenção de consumo cai e revela que é tempo de cautela

iG Minas Gerais |

São Paulo. O Índice de Intenção de Consumo das Famílias (ICF) medido pela Federação do Comércio de São Paulo (Fecomércio) caiu 5,1% em maio em relação a abril. A entidade atribui a queda ao atual cenário socioeconômico, com baixo crescimento, aliado à persistente alta da inflação.

Com a queda registrada na passagem de abril para maio, o índice chegou ao patamar de 113,6 pontos. Na comparação com abril do ano passado, o ICF mostra um recuo ainda maior, de 11,4%.

Todos os sete segmentos que compõem o índice tiveram retração de abril para maio. As intenções para bens duráveis caíram 9,3%. Segundo a assessoria econômica da Fecomércio-SP, esses números mostram que o cenário é de mais cautela nos gastos por parte do consumidor.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave