Minas deve ter temperaturas acima da média neste inverno

O fenômeno El Niño Oscilação Sul e a configuração do oceano Pacífico devem contribuir para a elevação da média de temperatura, o que favorece a formação das pancadas de chuva a partir de agosto

iG Minas Gerais | Da redação |

Os termômetros devem registrar temperaturas acima da média normal neste inverno, em Minas Gerais, segundo dados do Centro de Climatologia da Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig). A estação mais fria do ano teve início oficialmente no último sábado (21) e, no Estado, tem média de temperatura entre 14ºC e 26ºC. Segundo os meteorologistas, a ocorrência do fenômeno El Niño Oscilação Sul e a configuração do oceano Pacífico devem contribuir para a elevação da média de temperatura, o que favorece a formação das pancadas de chuva a partir de agosto, principalmente nas regiões Sul, Zona da Mata e Oeste do Estado.

A expectativa para o inverno é de precipitações em torno da média na maior parte de Minas Gerais. Entretanto, devido à ocorrência do El Niño, as regiões Sul, Zona da Mata e Triângulo, podem ter chuvas em quantidade ligeiramente acima da média.

Para o fim do mês de junho e início de julho, há ainda a previsão da chegada de massas de ar frio de intensidade moderada, que podem causar declínios de temperaturas, principalmente no Sul de Minas.

Umidade

Com relação à umidade relativa do ar, a expectativa é de registro de valores mais altos do que no ano passado. No Norte de Minas, Oeste, região Central e Triângulo, a umidade relativa do ar pode ficar abaixo de 20% em alguns períodos do inverno, principalmente em agosto e setembro. Já na Zona da Mata, Sul de Minas e Leste, a proximidade do oceano contribui para níveis mais confortáveis de umidade relativa do ar.

Na região metropolitana de Belo Horizonte, pode haver dias com umidade relativa do ar abaixo de 30%, mas também existe a possibilidade de ocorrência de chuvas esporádicas, mesmo neste período seco, seguidos de dias com temperaturas baixas, próximas dos 11°C.

É importante ressaltar que, neste período, existe a maior possibilidade de ocorrência de queimadas, principalmente no final do inverno, devido ao tempo seco. A expectativa de temperaturas mais altas no Norte de Minas, Triângulo e Oeste pode intensificar ainda mais as possibilidades de ocorrência de queimadas.  

Leia tudo sobre: temperaturainvernominas gerais