Feriado de Corpus Christi termina com 17 mortos nas rodovias estaduais

Segundo levantamentos feitos pela Polícia Militar houve 353 acidentes, com 187 feridos

iG Minas Gerais | JOSÉ VÍTOR CAMILO |

Acidente na BR-381 deixa uma pessoa ferida
Moisés Silva
Acidente na BR-381 deixa uma pessoa ferida

Pelo menos 17 pessoas morreram e 187 ficaram feridas nos 353 acidentes registrados nas rodovias estaduais que cortam Minas Gerais durante o feriado de Corpus Christi, conforme balanço divulgado pela Polícia Militar (PM). 

A operação da Polícia Militar Rodoviária (PMRv) para este feriado aconteceu desde a manhã de quarta-feira (18) e foi até a manhã desta segunda-feira (23), sendo que um total de 54.778 veículos foram fiscalizados em todo o Estado. Durante as fiscalizações, 610 motoristas foram autuados por conduzirem sem habilitação. 

Além disso, 67 condutores foram presos por embriaguez ao volante, 21 detidos por outros crimes de trânsito e 1.412 testes de bafômetro foram feitos. Apesar da fiscalização, o número de mortos em acidentes foi maior do que os do mesmo período do ano passado, quando 16 pessoas morreram. 

Entretanto, o número de acidentes foi reduzido em 2014, já que no ano passado foram registrados 442 batidas. O número de feridos este ano também foi maior do que em 2013, quando foram registrados 182 feridos. Apesar disso, a fiscalização foi bem maior este ano, já que no mesmo feriado do último ano 3.729 veículos foram parados, mais de 50 mil a menos do que desta vez.

A Polícia Militar apreendeu 73 veículos, 4.259 veículos foram retidos, 370 foram removidos e cinco foram recuperados. Oito armas de fogo, sete brancas e 63 munições foram apreendidas.

Causas

As principais causas dos acidente, segundo levantamentos da PM, foram a falta de atenção ao volante (139 acidentes), animal na pista (27), embriaguez (25 acidentes), não manter distância de segurança (23), velocidade incompatível (16), derrapagem (10 acidentes),  e aquaplanagem (quatro). 

Leia tudo sobre: ACIDENTESBALANÇOFERIADOCORPUS CHRISTIBATIDAS17 MORTOS187 FERIDOSPOLÍCIA MILITAR