Lampard não confirma a sua aposentadoria da seleção: “Decido depois"

Meio-campista usará a faixa de capitão na partida contra a Costa Rica, a despedida do English Team da Copa

iG Minas Gerais | FERNANDO ALMEIDA |

Assim que Frank Lampard foi confirmado na coletiva de imprensa desta segunda-feira, no Mineirão, muitos esperavam que ele desse seu discurso de despedida da seleção da Inglaterra, que pode acontecer nesta terça-feira diante da Costa Rica, na última rodada da fase de grupos da Copa do Mundo no Brasil. Contudo, o veterano do English Team esquivou-se e preferiu deixar esta decisão para depois da partida contra Los Ticos.

“Eu ainda não tomei a decisão. É um grande jogo. Não serve para a classificação, mas sim pelo orgulho, pelo orgulho inglês. Depois eu tomo essa decisão”, disse Lampard.

“Eu não posso olhar para a minha carreira na seleção e ter algum desapontamento, jogar pela seleção já é um ganho. Um dos meus sonhos era jogar pela seleção. Eu fiz tudo que eu podia”, completou.

Diante da negativa de Lampard, o treinador Roy Hodgson também preferiu deixar isto de lado e focar apenas na partida contra a Costa Rica.

“Eu ficaria muito feliz se ele continuasse na seleção. O Frank é o tipo de cara que pode me dizer “conte comigo” que eu ficarei feliz”, disse Hodgson.

Na sua provável despedida da seleção inglesa, Frank Lampard usará a faixa de capitão na vaga de Steven Gerrard, que começará a partida no banco de reservas.