Fazenda do presidente da Alerj é invadida

Além da troca de tiros, dois policiais que atuavam como seguranças do deputado Paulo Melo (PMDB) foram baleados durante a ação

iG Minas Gerais | Da redação |

O presidente da Alerj (Assembleia Legislativa do Rio), Paulo Melo (PMDB), se feriu após uma tentativa de invasão de sua residência na zona rural de Rio Bonito, a pouco mais de 70 quilômetros do Rio de Janeiro, por homens armados na noite de sábado (21). Dois policiais militares cedidos pela corporação à Alerj, que atuavam como segurança do deputado, foram baleados.

Na tentativa de se proteger, o presidente da Assembleia feriu o pé e foi submetido a uma cirurgia ortopédica de emergência no Hospital Darcy Vargas, em Rio Bonito. Ele estava dentro da propriedade com a mulher, Franciane Motta (PMDB), que é prefeita de Saquarema, na Região dos Lagos. Franciane não se feriu.

De acordo com a assessoria do deputado, o político foi transferido para o Hospital Copa D'Or em Copacabana, na zona sul da capital, onde uma nova cirurgia deverá ser realizada. A Polícia Militar, por ordem do comando, não divulgou quais dos PMs cedidos ao Legislativo foram baleados. A corporação afirmou apenas que, às 13h deste domingo (22), a dupla estava em observação no Hospital da Polícia Militar e com quadro de saúde estável.

Conforme a Polícia Civil, a delegacia de Rio Bonito realizou perícia no sítio ainda na noite de sábado e tomou depoimento de três funcionários da propriedade. As imagens do circuito interno do local também serão analisadas.

Os investigadores, ainda segundo a Polícia Civil, continuam realizando diligências em busca dos criminosos e aguardam a alta médica do deputado e dos policiais militares para que eles sejam ouvidos. Até o momento, nenhuma linha de investigação foi descartada. 

Com informações da Folhapress

Leia tudo sobre: assaltofazendapresidente ALERJRio de JaneiroPaulo Melo