Moradores cobram ação dos Bombeiros para retirada de cães de ribeirão

Protetores tentaram resgatar os cães, que acabaram fugindo assim que viram as pessoas; eles estão no ribeirão Arrudas

iG Minas Gerais | JOSÉ VÍTOR CAMILO |

Segundo o grupo que já tentou socorrer os cães outras vezes, eles estão no loca há 21 dias
Reprodução/Facebook
Segundo o grupo que já tentou socorrer os cães outras vezes, eles estão no loca há 21 dias

Após ligarem várias vezes para o Corpo de Bombeiros e não conseguirem ajuda, algumas pessoas se mobilizaram, na tarde deste sábado (21), para tentar salvar dois cachorros abandonados, que estão no interior do ribeirão Arrudas, na Via Expressa, próximo à entrada do bairro Nova Cintra, na região Oeste de Belo Horizonte. Esta é a quinta vez que o grupo tenta socorrê-los, porém, assustados, os animais acabaram fugindo. 

A denúncia começou a circular no Facebook nesta sexta-feira (20), após a mãe de Daniele Sousa avistar os animais, bastante abatidos, no interior do ribeirão. "Hoje eles ainda continuavam lá, no mesmo lugar. Liguei para os bombeiros e disseram que não tinha previsão de quando viriam, por estarem cheios de pedidos. Preciso de ajuda, eles não vão resistir por muito tempo", disse a protetora. 

Ainda neste sábado, Daniele recebeu uma ligação do Corpo de Bombeiros perguntando se os cães ainda estavam no local. "Fui verificar, chegando lá tinha um grupo de pessoas tentando resgatá-los, mas eles acabaram fugindo. Uma moça disse que eles estão lá dentro há 21 dias. Estão super estressados e ariscos. Um deles está muito doente e a situação é mais grave do imaginávamos. Tentaram resgatá-los cinco vezes. Tinha uma fêmea prenha também, mas ela não resistiu e morreu", contou Daniele. 

Agora, o pedido nas redes sociais é por pessoas com mais experiência, para auxiliarem no socorro dos animais. Segundo a assessoria de imprensa do Corpo de Bombeiros, a central iria entrar em contato com a solicitante para obter maiores detalhes. Se obtivessem sucesso, tentariam socorrer os animais.

Leia tudo sobre: cachorrosribeirão arrudasnova cintradentrodo córrego