Adolescente queima 55% de corpo de grávida por causa de drogas

Sob o efeito de entorpecentes, ele invadiu a casa da mulher, pediu dinheiro e, com a recusa, jogou gasolina no corpo dela e depois ateou fogo

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Uma grávida de quatro meses foi encontrada com 55% do corpo queimado nessa quinta-feira (19) em Poços de Caldas, no Sul de Minas. O suspeito é um adolescente de 17 anos que invadiu a casa dela para pedir dinheiro.

Segundo a Polícia Militar, o menor estava sob efeito de drogas quando cometeu o crime. Ele pediu a Ana Paula Martins dinheiro e, com a recusa, jogou gasolina na vítima e ateou fogo. Em seguida, ele fugiu.

A mulher foi socorrida em estado grave pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e foi levada para o hospital Santa Casa da cidade, mas teve que ser transferida para o Hospital de Pronto-Socorro João XXIII, em Belo Horizonte, onde continua internada. A unidade não informou se ela perdeu o bebê.

O suspeito foi detido e levado para o presídio de Poços de Caldas. A Polícia Civil irá investigar o caso. 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave