Após dois gols, Suárez se emociona: "Eu sonhei com isso"

Jogador fez cirurgia no joelho esquerdo a menos de um mês da Copa; ele agradeceu a todos que ajudaram em sua recuperação

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Uruguay's Luis Suarez, left, scores the opening goal past England's goalkeeper Joe Hart during the group D World Cup soccer match between Uruguay and England at the Itaquerao Stadium in Sao Paulo, Brazil, Thursday, June 19, 2014.  (AP Photo/Felipe Dana)
TA2001
Uruguay's Luis Suarez, left, scores the opening goal past England's goalkeeper Joe Hart during the group D World Cup soccer match between Uruguay and England at the Itaquerao Stadium in Sao Paulo, Brazil, Thursday, June 19, 2014. (AP Photo/Felipe Dana) TA2001

Após voltar a equipe, marcar dois gols e se transformar no herói da seleção do Uruguai, evitando a eliminação precoce da Celeste, que perdeu o primeiro jogo, o atacante Luis Suárez foi às lágrimas após o segundo tento anotado e após a partida que deixou os uruguaios vivos em busca de uma das vagas para a próxima fase.

O jogador, que por pouco não foi cortado pelo técnico Oscar Tabarez, disse que sonhou com essa volta por cima na Copa do Mundo no Brasil, uma vez que ele se recuperou de uma cirurgia no joelho esquerdo realizada a menos de um mês do mundial da Fifa.

“Eu sonhei com isso. A verdade é que estou aproveitando esse momento e todos os momentos que vivi. As críticas que recebi antes e agora vocês estão vendo. Evidentemente, depois de tudo aquilo que vivi, jogar contra a Inglaterra e tudo o que falaram sobre mim. Era algo importante, que estava sonhando. Pensei nisso muitas vezes antes do jogo e houve essa emoção por tudo. Por esse último mês, por tudo que sofri com a lesão”, declarou Suárez ainda emocionado ao final do jogo.

O jogador fez questão de agradecer a todos as pessoas que contribuíram para a sua recuperação. “Tenho muita gente a agradecer por tudo que fizeram no ultimo mês. Minha mulher e meus filhos, estavam comigo em todas as viagens para cima e para baixo. Especialmente a Walter Ferreyra, que me recuperou. Se não fosse por ele não estaria aqui. E, claro, o grupo, corpo técnico, companheiros, a força que me dão é impressionante”, afirmou.

Com o triunfo, o artilheiro do último Campeonato Inglês já começa a pensar na Itália, última adversária na fase de classificação, e nas oitavas de final. “Você pode imaginar, realmente, nós sofremos muito. Mas o mais importante era ganhar (a Inglaterra), era o que nós precisávamos. E agora temos que aproveitar isso, descansar e pensar agora na Itália, que também é um jogo importante”, concluiu o jogador, eleito pela Fifa como o melhor atleta em campo contra a Inglaterra.  

Leia tudo sobre: Copa do MundoUruguaiLuis Suarezvolta por cimarecuperacaogolsdecisivo