Garantidos nas oitavas, chilenos cogitam confronto com Brasil

Chilenos sabem que time precisa vencer a Holanda para escapar de confronto contra anfitriões

iG Minas Gerais | FOLHAPRESS |

undefined

Classificados para a segunda fase da Copa do Mundo, os chilenos festejaram nesta quarta-feira (18) a histórica vitória sobre a Espanha e já começaram a pensar em um possível encontro com o Brasil nas oitavas de final. "O Brasil é o anfitrião e o favorito. Poderemos jogar com eles se não ganharmos da Holanda", adiantou-se o treinador Jorge Sampaoli. Os chilenos enfrentarão a seleção no primeiro mata-mata da fase final caso ambos de classifiquem em posições diferentes de suas chaves. O primeiro colocado do Grupo A irá enfrentar o segundo do Grupo B, e o melhor do B pegará o segundo do A. Já o meia Valdivia, do Palmeiras, preferiu ressaltar o resultado histórico alcançado em um Maracanã tomado pela torcedores chilenos. "A gente conseguiu se aproveitar das debilidades da Espanha, da situação em que se encontravam. E não foi qualquer vitória. Ganhamos do campeão do mundo", afirmou. "Vão festejar?", a reportagem perguntou. "Infelizmente não vamos poder. Amanhã já temos que treinar como condenados", respondeu o camisa 10.

Leia tudo sobre: Copa do Mundoselecaochileconfrontobrasileirosoitavas