Em negociação para comentar a Copa, Maradona exigiu caixa 2 e 'chicas'

Canal brasileiro SporTV tentou a contratação do argentino, mas se assustou com as exigências dele para fechar o contrato

iG Minas Gerais | Da Redação |

Maradona fez críticas aos dirigentes da Fifa e muitas brincadeiras em um papo bem descontraído
Reprodução/Facebook
Maradona fez críticas aos dirigentes da Fifa e muitas brincadeiras em um papo bem descontraído

Não será desta vez que a imprensa brasileira vai contar com os comentários de Diego Maradona, que já vem dando seus pitacos para a tv venezuelana. O canal SporTV até tentou, mas não conseguiu acertar com o ex-jogador argentino. 

Segundo o blog Radar On-line, de Lauro Jardim, da Revista Veja, as inusitadas exigências feitas pelo hermano pesaram contra. Após acertar os salários, Dieguito também pediu que o compatriota, Daniel Passarela, fosse retirado do programa que participaria. Além disso, queria gravar os comentários nos estúdios da TV Telesur, na Venezuela. Um helicóptero já estaria à disposição do argentino. 

Para completar, duas condições polêmicas. A primeira seria receber parte do salário sem recibo, numa espécie de caixa 2. Maradona também pediu umas 'chicas', que seriam fornecidas pelo próprio canal. 

Segundo o blog, as negociações foram encerradas. 

Leia tudo sobre: Diego MaradonaCopa do MundochicasargentinoSportvcomentáriosnegociação.