Thiago Motta deve ser titular da Itália contra a Costa Rica

Volante ítalo-brasileiro tem a confiança do técnico Cesare Prandelli e será opção para fortalecer a pegada no meio-campo da Azurra

iG Minas Gerais | FOLHAPRESS |

undefined

O experiente volante Thiago Motta deve substituir a "promessa" e companheiro de PSG Verratti no jogo de sexta-feira (20), contra a Costa Rica, pela segunda rodada do grupo D, segundo a imprensa italiana. Nascido em São Bernardo do Campo (SP), Motta, 31, já havia entrado no lugar do meia Verratti, 21, no começo do segundo tempo da vitória de domingo (15) sobre a Inglaterra, por 2 a 1. O ítalo-brasileiro tem a confiança do técnico Cesare Prandelli, que o trouxe para a seleção italiana em 2011. Para isso, teve de obter a autorização da Fifa, pois Motta havia jogado pelo Brasil na Copa Ouro-2003. A entidade aceitou o argumento de que ele atuou pela sub-23, e não no time principal. A substituição deixa o meio de campo italiano com mais força física e menos criativo. Convocado após o corte de Montolivo, lesionado durante os preparativos para a Copa, o habilidoso Verratti é considerado a grande promessa para substituir o veterano Pirlo, 35, como maestro da Azzurra. Além de Motta, Prandelli deve promover o retorno ao time titular do goleiro e capitão Buffon e do lateral esquerdo De Sciglio. Ambos ficaram de fora da estreia por lesão, mas voltaram a treinar com bola nesta terça-feira (17). O jogo contra a "zebra" Costa Rica - que venceu o Uruguai de virada por 3 a 2 na estreia - será no Recife, às 13h.

Leia tudo sobre: thiago mottavolanteitaliaCopa do Mundoseleção italiana