Luiz Gustavo nega pressão após classificação adiada

Jogador frisou que todo grupo brasileiro tem ciência da responsabilidade de defender o histórico vitorioso do país do futebol

iG Minas Gerais | JOSIAS PEREIRA |

Volante da seleção fez um belo gol que fechou a goleada sobre a Austrália
Jefferson Bernardes / VIPCOMM
Volante da seleção fez um belo gol que fechou a goleada sobre a Austrália

Fortaleza (CE). O conjunto brasileiro não funcionou, Neymar não destoou e a seleção empacou. A possibilidade de selar a classificação para as oitavas de final da Copa do Mundo ficou paralisada nas luvas do goleiro mexicano Ochoa. Agora, o Brasil terá que ao menos empatar com Camarões na última rodada para garantir, sem maiores sustos, o avanço à fase decisiva do torneio que é o grande anfitrião.

“Não estamos 100% contentes. Mas, sem dúvida, este um pontinho conquistado aqui nos dá uma ajuda para o próximo jogo. Temos que nos concentrar, dar o próximo passo e vencer os Camarões”, afirmou Luiz Gustavo.

O otimismo do volante da seleção brasileira o faz acreditar que não existe sequer pressão sobre o elenco capitaneado por Felipão. A partida contra Camarões, na próxima segunda, em Brasília, será encarada como mais um teste no caminho desta equipe que, como todos os jogadores gostam de frisar, está em formação contínua. 

“A gente nem pensa nisto (na possibilidade de não se classificar). Sabemos da nossa responsabilidade como jogadores. Estamos representando uma nação. O que precisamos fazer é dar continuidade no que estamos mostrando dentro de campo. É continuar evoluindo para permanecer na Copa”, concluiu.