Criminosos assaltam três fazendas no interior de MG

Dois casos ocorreram nessa terça na zona rural de Papagaios

iG Minas Gerais | JHONNY CAZETTA |

Outros dez assaltos foram registrados neste ano em Papagaios
Reprodução / YouTube
Outros dez assaltos foram registrados neste ano em Papagaios

Em menos de três horas, duas fazendas foram assaltadas na zona rural de Papagaios, na região Central de Minas. Segundo a Polícia Militar (PM), os crimes foram cometidos na madrugada dessa terça por quatro homens encapuzados.

Na primeira ocorrência, os suspeitos renderam quatro pessoas da mesma família, em uma propriedade que fica às margens da MG–060. Eles roubaram cerca de R$ 1.000 em dinheiro, joias, três espingardas, munições e o carro da família, e um Fiat Strada. Eles chegaram a ameaçar as vítimas de morte. “Eles colocaram todos no chão enquanto vasculhavam a casa, mas não feriram ninguém”, contou um policial que pediu anonimato.

Durante o assalto, uma das vítimas conseguiu mandar mensagem para um primo, que comunicou o crime à polícia. Militares foram até o local e encontraram os criminosos já em fuga em um carro. Houve troca de tiros. Próximo a uma plantação de eucaliptos, os quatro abandonaram o carro e escaparam pela mata a pé até uma outra propriedade.

Lá, eles amarraram e trancaram no banheiro os três moradores do local e fugiram em um outro Fiat Strada com R$ 900 e celulares das vítimas. “Já neste episódio, eles foram mais violentos e chegaram a agredir as vítimas com chutes e socos. Todos foram levados para o hospital, mas ninguém apresentou lesões graves”, disse o investigador, que acrescentou que somente, neste ano, já ocorreram pelo menos outros dez assaltos como esse na cidade. Até nessa terça, os suspeitos eram procurados e ninguém havia sido preso.

Outro. Já em São Gonçalo do Abaeté, na região Noroeste de Minas, outros quatro homens armados roubaram um caminhão com 12 vacas e fugiram em uma caminhonete do dono de uma fazenda da cidade, na madrugada dessa terça.

Ao todo, cinco pessoas foram mantidas reféns pelos criminosos, inclusive um adolescente de 14 anos, que teve um trauma leve na cabeça durante uma coronhada. Também nesse crime ninguém foi preso.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave