Sem clube, herói mexicano despista sobre acerto com o Milan

Arqueiro preferiu deixar futuro nas mãos de empresário; atuação contra o Brasil pode abrir portas

iG Minas Gerais | JOSIAS PEREIRA |

Fortaleza (CE). Uma atuação memorável em Copa do Mundo é capaz de abrir portas. Nessa terça-feira, o arqueiro mexicano Guillermo Ochoa fechou o gol diante da seleção brasileira, sendo considerado o principal responsável pelo empate sem gols no Castelão, em Fortaleza. Na mira do Milan, o goleiro, que foi rebaixado com o modesto Ajaccio (FRA) e está sem clube, preferiu manter o mistério sobre seu futuro. 

“Tenho recebido sondagens de várias equipes, mas ainda não chegou nada oficial para mim. Esta é uma coisa que precisa ser definido pelo Jorge (Berlenga, empresário do jogador) e o Ajaccio. Quanto a mim, o que importa é seguir concentrado no Mundial”, disse. 

Ochoa, natural de Guadalajara, tem 1,80 m foi relevado no América do México, onde fez 239 partidas. Garoto propaganda, o goleiro já foi até capa do game Fifa 08 e Fifa 09 na versão para os Estados Unidos e México.

Leia tudo sobre: futebol nacionalCopa do Mundoochoaseleção mexicanaMilansem clube