Argentinos dão lugar a chilenos em Copacabana

Após a invasão de hermanos na véspera do jogo contra a Bósnia, chilenos marcam presença nas ruas do Rio

iG Minas Gerais | FOLHAPRESS |

Torcedores chilenos fizeram a festa no treino da equipe em Belo Horizonte
WEBREPÓRTER/GUILHERME GUIMARÃES
Torcedores chilenos fizeram a festa no treino da equipe em Belo Horizonte

Após a invasão de argentinos na véspera do jogo de domingo (15) contra a Bósnia, no Maracanã, os chilenos marcam presença nas ruas do Rio.

Além dos brasileiros e mexicanos, diretamente interessados na partida que começa às 16h nesta terça-feira (17), chama a atenção na avenida Atlântica, em Copacabana, o número de torcedores com bandeiras e camisas do Chile.

Os fãs da Espanha, adversária dos chilenos nesta quarta-feira (18) no Maracanã, têm uma presença discreta até o momento na orla carioca.

A menos de duas horas para o início da partida do Brasil, o público caminhava pelo calçadão da Praia de Copacabana em direção ao Fifa Fan Fest, onde o jogo entre Argélia e Bélgica estava sendo transmitido. Em torno de 7.200 torcedores já estão dentro da arena, com capacidade para até 20.000 pessoas.

O trânsito está congestionado no bairro de Copacabana, rota principal dos milhares de torcedores estrangeiros que vieram ao Rio.

Boa parte do público, no entanto, ainda está em trajes de banho, aproveitando o dia de sol, principalmente, nas areias de Copacabana, Ipanema e Leblon, na zona sul carioca.

Leia tudo sobre: Copaargentinoschilenos copacabanariotorcida