Brasil irá ampliar concessão de vistos a empresários angolanos

Dilma também endossou apoio à candidatura de Angola a um dos assentos rotativos do Conselho de Segurança da ONU para os anos de 2015 e 2016

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

A presidente Dilma Rousseff assinou nesta segunda-feira (16), após audiência com o presidente de Angola, José Eduardo dos Santos, acordo que amplia para dois anos a concessão de visto a empresários e investidores daquele país no Brasil.

"As facilidades obtidas com o visto vão facilitar a capacidade de investimento e custo. Esperamos que os investimentos dos empresários angolanos venham a crescer, como sublinhou a presidente Dilma Rousseff", disse Santos, sobre o acordo com o governo brasileiro.

A discussão vinha sendo tratada há alguns anos pelo Itamaraty. O ex-ministro das Relações Exteriores Antônio Patriota, que tratava particularmente do assunto, foi chamado para participar da audiência ao lado de seu sucessor no cargo, Luiz Alberto Figueiredo.

Em audiência de cerca de uma hora no Palácio do Planalto, ambos trataram de agendas em comum, como a influência de ambos os países na Guiné-Bissau --apontada pela chancelaria brasileira como uma nova espécie de Haiti das relações diplomáticas do país.

Dilma também endossou apoio à candidatura de Angola a um dos assentos rotativos do Conselho de Segurança da ONU para os anos de 2015 e 2016.

Segundo o governo angolano, no primeiro trimestre deste ano, o Brasil investiu US$ 143 milhões no país africano. É o terceiro parceiro comercial brasileiro na África.

De acordo com o Itamaraty, entre 2009 e 2013, o intercâmbio comercial brasileiro com o país cresceu 35,9%, de US$ 1,47 bilhão para US$ 1,99 bilhão.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave