Meta do Uruguai é organizar defesa para superar Inglaterra

Em jogo que vale a estadia na Copa do Mundo, Celeste tentará neutralizar jovem ataque britânico

iG Minas Gerais | BERNARDO MIRANDA |

Oscar Tabárez espera que sua seleção reencontre o bom caminho no Brasil
AUF/REPRODUÇÃO
Oscar Tabárez espera que sua seleção reencontre o bom caminho no Brasil

Depois de levar três gols da Costa Rica, os uruguaios reconhecem que precisam melhorar o setor defensivo se quiserem vencer Inglaterra e Itália e continuarem vivos na Copa do Mundo.

"Nossa missão é trabalhar forte para corrigir os problemas na defesa. O próximo jogo é uma final para nós, precisamos vencer de qualquer forma, por isso temos que melhorar", afirmou o técnico Oscar Tabárez, em entrevista após o treino de portões fechados na Arena do Jacaré, em Sete Lagoas.

O treinador ainda reconheceu que será uma missão difícil parar os rápidos atacantes ingleses. " A Inglaterra conta com atacantes jovens e velozes, mas há como neutralizá-los. O jogo é difícil, mas não impossível", disse.

Um dos principais responsáveis pelo setor defensivo, o zagueiro Lugano também admite os erros cometidos pela equipe contra a Costa Rica, mas faz questão de destacar o poder de reação da seleção Celeste. "Falhamos em alguns lances, mas nunca fomos arrogantes. Sabemos que não somo invencíveis e conhecemos muito bem nossas deficiências, talvez esteja aí a nossa maior forca para reverter essa situação a adversa" afirmou.

Com a derrota por 3x1 contra a Costa Rica, o Uruguai está na lanterna do grupo, e precisa vencer a Inglaterra na próxima quinta-feira no Itaquerão, em São Paulo e depois a Itália na última rodada para garantir classificação para as oitavas de final.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave