Colombiano preso por agressão e furto em BH pode ser deportado

Ele não apresentou documento de entrada no Brasil e tem até três dias para comprovar ter ingressado legalmente no país

iG Minas Gerais | BERNARDO ALMEIDA |

Um dos três colombianos presos pela Polícia Militar em Belo Horizonte, nesta segunda-feira (16), pode ser extraditado. Ele não possui visto de entrada no Brasil e tem três dias para comprovar sua regularidade, ou será deportado.

Ele foi encaminhado à Polícia Federal após ser detido, junto com outros dois compatriotas, por agressão e roubo a um casal de também colombianos, torceodres de um time rival na cidade de Cali.

Luis Alfonson, 23, Salazar Gonzales e Carlos André Chianaya, ambos de 20 anos, foram detidos após agredirem um casal de torcedores rivais, na praça Rio Branco, e roubarem duas bolsas com os pertences da mulher.

A Polícia Federal não informou qual dos agressores está sem o documento, e também não soube confirmar se o colombiano alegou estar sem o visto ou se realmente não o possui.

O homem foi encaminhado à Polícia Civil.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave