Brasil sai do Pan-Americano de El Salvador com 11 medalhas

Experiência acumulado na última semana, durante o GP de Cuba, foi importante para bons resultados

iG Minas Gerais | DANIEL OTTONI |

Pódio masculino da categoria meio pesado contou com dois brasileiros
CBJ - DIVULGAÇÃO
Pódio masculino da categoria meio pesado contou com dois brasileiros

O Brasil teve um total de 11 medalhas no Pan-Americano de San Salvador, em El Salvador. A competição terminou neste domingo com mais sete medalhas para o país. Foram dois ouros, uma prata e oito bronzes, números que colocaram o Brasil em terceiro lugar no quadro de medalhas, atrás da Canadá e Áustria.

O pesado Ruan Silva saiu com um terceiro lugar amargo. O resultado serve de aprendizado para as próximas competições. Depois de vencer na estreia e perder na sequência, ele precisou vencer na repescagem antes de partir para o último triunfo.

“O resultado poderia ter sido melhor. Agora é voltar para o Brasil, corrigir os erros e treinar muito mais para continuar evoluindo sempre”, indica.

Nos meios pesados, João Gabriel chegou até a decisão, mas acabou perdendo. O foco no Rio 2016 é sua maior motivação em busca de resultados de destaque. “Para me engajar na busca por uma vaga, antes tenho que acreditar que o objetivo é atingível. E essa conquista é um impulso que me motiva a querer investir nesse projeto”, projeta. João venceu o também brasileiro Renan Nunes na semifinal, resultado que deu duas posições no pódio ao país dentro da categoria. 

Entre as mulheres, Bárbara Timo também conseguiu um bronze após ippon na decisão do terceiro lugar. A experiência acumulada no GP de Cuba, na última semana, foi importante para chegar ao pódio. “Foi um campeonato muito importante por ser a primeira medalha do ano em competições da Federação Internacional e também para ver como estou evoluindo. Semana passada não fiz uma boa competição mas usei muito o treinamento de campo do Gran Prix de Cuba aqui em San Salvador”, destaca.

A única categoria em que o Brasil ficou sem medalha neste domingo foi o meio médio masculino.