Fortalecimento dos clubes

iG Minas Gerais |

É muito mais fácil convencer alguém mostrando algo concreto, em vez de argumentar sobre um fator invisível, como o amor, a vontade, a sutileza. A matemática, a física, a engenharia são ciências exatas onde as respostas são definitivas e não consideram o sentimento humano em suas conclusões, muito embora todas elas existam para melhorar nossas vidas. É muito comum que grupos criem suas regras para minimizar os conflitos pessoais. Isso ocorre também nos clubes de Rotary. Mas com o passar do tempo, muitas vezes não rever essas regras pode ser uma grande e perigosa armadilha para o futuro do clube. A flexibilidade e o fator humano devem prevalecer, respeitando sempre os valores do grupo. Considero o conhecimento como um dos fatores invisíveis fundamentais para o fortalecimento do clube. Ele pode ser o da nossa organização, determinante para a tomada de decisões, mas pode ser também o individual, muito importante para o êxito no serviço à comunidade, tanto no desenvolvimento de projetos sustentáveis quanto para a valorização da nossa imagem. O conhecimento do que somos e do que fazemos em nosso clube, por parte dos novos associados, será um fator fundamental para a fixação deles no Rotary. Embora nossa organização desenvolva inúmeras atividades relevantes, o novo associado vivenciará o que ocorre em seu clube. A visão de futuro é outro fator invisível, essencial para o fortalecimento dos clubes e que é percebido de forma diferente em cada companheiro. Como indivíduos, já na adolescência pensamos em quem seremos e em como será o mundo quando nos tornarmos adultos. Como clube, esse exercício de pensamento é mais complexo, mas determinante para o seu futuro – e será um fator de engajamento de novos associados. Um clube que conhece seus valores tem a sua visão, missão e metas claras, agregará facilmente profissionais com o mesmo objetivo e será produtivo. Quem não gosta de integrar um time vencedor? Outro grande fator invisível é o interesse da participação familiar nas atividades do clube. Essa força familiar torna-se visível no momento em que o novo associado consegue a adesão de seus familiares. O envolvimento da família torna o novo associado mais forte e interessado. Acrescento a inovação como outro fator invisível para a manutenção de associados. A inovação é fazer melhor, atendendo as expectativas das pessoas. Rever procedimentos, perceber novas tendências de comportamento do mundo e aplicá-las em nossos clubes são atitudes determinantes para a adesão de novos associados e, também, para motivar os atuais. Existem, ainda, mais fatores invisíveis, que podem ser percebidos por uma liderança motivada e sensível, convergindo os companheiros para um clube atual, dinâmico, forte e transformador de vida. É mais difícil enxergar o invisível, mas é a percepção dele que contribuirá para a visibilidade do seu clube interna e externamente. * O autor é Marcos Franco, escritor, administrador de empresas, associado ao Rotary Club de Santos-Oeste e governador 2010-11 do distrito 4420

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave