Talk show rústico na internet

Com baixíssimo orçamento, humoristas criam programas de entrevistas para a web

iG Minas Gerais |

Tosco. O comediante Maurício Meirelles diz que não gasta nada – mas também não ganha – com seu “Tosco Show”
Paulo Ruch / Divulgação
Tosco. O comediante Maurício Meirelles diz que não gasta nada – mas também não ganha – com seu “Tosco Show”

As produções são de baixíssimo orçamento, mas elementos clássicos de um talk show estão lá, como o apresentador piadista e a bebidinha na caneca. Os programas “Tosco Show” e “Talk Show do Rafucko”, improvisados, inauguram suas primeiras temporadas na web seguindo os passos de seus congêneres da TV aberta, “Programa do Jô” (Globo), “The Noite” (SBT) e outros, mas em outra esfera de produção.

O comediante Maurício Meirelles, 30, que comanda o “Tosco Show”, diz que “o custo do programa é zero e o ganho também”. Já o videomaker Rafael Puetter, 28, o Rafucko, fez uma campanha para arrecadar R$ 50 mil, renovar os equipamentos e produzir episódios. Os dois programas são exibidos em canais no YouTube, com novos episódios disponibilizados semanalmente.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave