Italianos reclamam de calor exagerado em Manaus

Mesmo atletas que estão acostumados a temperaturas altas ficaram impressionados com clima quente na hora de jogo

iG Minas Gerais | FOLHAPRESS |

Depois de vencerem a Inglaterra por 2 a 1, os italianos comentaram da dificuldade de jogar no calor de Manaus.

De acordo com a Somar Meteorologia, a temperatura no começo da noite na cidade era de 27 °C, com umidade relativa de 74 %.

"O clima é infernal, calor demais para jogar futebol", avaliou o volante Pirlo para o SporTV. Thiago Motta, que nasceu em São Bernardo do Campo (SP) e também tem cidadania italiana, também sentiu dificuldade em campo.

"É muito quente para jogar, a sensação que dá é que é difícil para respirar", disse Thiago. Os próximos jogos da Itália serão contra a Costa Rica, na sexta-feira (20), às 13h, no Recife, e terça-feira (24), contra o Uruguai, em Natal, às 13h também.

"Estamos em condições climáticas extremas [em Manaus]. Também faz calor em Natal e no Recife, mas não tanto assim ", disse o atacante Mario Balotelli.

O técnico Cesare Prandelli elogiou o desempenho dos jogadores em campo. "A preparação física teve sucesso", disse o treinador. "Tivemos que baixar o ritmo, a intensidade estava muito alta."

Leia tudo sobre: italianosmanausitáliaimglaterrapirloprandellibalotellithiago motta